Review: ” The Trap” – com Spoilers!

Olá Padalovers! Tudo Joinha? Bora lá pra mais uma Review aqui no Blog. “The Trap” é um bom exemplo , de que, quando os roteiristas deixam a preguiça de lado, tudo flui da melhor maneira possível.O capítulo inteiro mostra uma história coerente, e , apesar, de ser simples, nos leva a vários momentos emocionantes durante os minutos do episódio. Desta fez farei um pouco diferente, analizando cada parte do episódio por núcleo.

“Observem como eu sou lindo S2!”

Vamos começar pelo Chuck, voltando para o Cassino , onde, parece ser o novo QG do Todo Poderoso, com Sam e Eileen ainda aprisionados . Se já achava Rob Benedict um grande ator, neste episódio ele consegue doar mais ao espectador toda sua atuação de forma magnífica. Já havia comentado o quanto gosto do cinismo que ele atribuiu para este personagem, transformando – o em um tirano sem tamanho. A maneira como ele usurpa do corpo e da mente de Eileen para atinge Sam, mostrando várias facetas da sua crueldade é uma prova disso. Entre as cenas de tortura, Sam consegue se forte e não desistir em nenhum momento, chegando a conclusão que Ele não tem Plano B para aquela situação. Mas Chuck Maquiavélico que é, nota, que , Sam só resisti por que há nele Esperança. Durante várias cenas que vem a seguir, (introduzida na mente de Sam), Chuck consegue convencer Sam , que aquele será o futuro da Dupla de Caçadores , se eles não recuarem. Nestes Flash – Forwards, temos a participação especial de Jim Beaver (Bobby) e Kim Rhodes (Jody). E o final desta história não me agradou nem um pouquinho…

” Ah não chora! Ele vai voltar!”

Castiel e Dean voltam (para o purgatório, atrás na flor de Leviatã!) finalmente, de vez, a trabalharem juntos, e, adoro a dinâmica que Jensen Ackles e Misha Collins criaram para estes personagens. Em especial a volta de Castiel, O Cas desta última temporada, quase me lembra o Cas que nos foi introduzido na temporada 4º. Neste episódio, ele enfrenta Dean, com diálogos construtivos e uma postura tão imponente que esquecemos quase por completo do Castiel canastrão de algumas temporadas passadas. Para mim, a cena mais emocionante, foi o momento em que Dean ora pedindo perdão a Castiel, para logo em seguida , vermos Castiel o perdoando. Também vemos Castiel pedindo perdão a Dean por toda situação que foi causada por Jack.

” Eu é que mando nesse Cassino!”

E Chegamos a parte final , onde Cas e Dean vão ao encontro de Sam e Eileen na tentativa de capturar Chuck de uma vez! Alguns minutos de lutas entre Dean, Cass e Chuck até que o ápice desta cena vem à tona: Cass joga na direção de Sam a armadilha para pegar Chuck (parecia uma Pokebola! Brinks*) e Sam num ato de desespero não consegue fazê-lo. Chuck conseguiu fazer uma lavagem cerebral tamanha na mente de Sam, que ele fica incapacitado de destrui-lo. Já no Bunker, nosso Sam se despede de Eileen, (que vai embora com medo do que Chuck poderia fazer com ela e os meninos) mas não antes do caçador expressar todo amor dele por ela… uma pena que, talvez , não veremos nem tão cedo este Casal juntos! Sam , então vai para a cozinha e tenta se explicar para Cass e Dean o porque daquela atitude tão errada… Dean , por sua vez, fala que eles encontrarão outro jeito! Fico aqui a pensar , o que mais os roteirista farão para encerrar este jogo! E vocês? O que acham? Vamos formular teorias nos comentários! Boa semana para todos!

Poxa! Eu Shippava tanto esse casal!

P.S.: Gente, Jack está de volta ! Uhuuuuu #Ansiosa