5 Curiosidades sobre “Proverbs 17:3”

1 – Provérbios

Provérbios 17:3 – O crisol é para a prata, e o forno, para o ouro; mas o Senhor prova os corações.

Significado: Prata e ouro são preparados para o uso pela purificação dos mesmos em fogo de alta temperatura. O calor destrói as impurezas e metais básicos para sobrar a prata e o ouro puro, adequado para o uso do artífice para produzir lindas peças de jóias ou de objetos decorativos (Pv 25:4). Somente o senhor pode provar e purificar os corações de uma forma semelhante, através da fornalha ardente das aflições e provações.

Os homens provam, avaliam ou refinam os preciosos metais de prata e de ouro. Mas eles não podem provar, avaliar ou refinar o coração do homem. Eles usam um cadinho para provar a prata e usam a fornalha para refinar o ouro, mas o coração do homem não é acessível e nem suscetível de melhora.

O coração do homem é enganoso acima de todas as coisas e desesperadamente perverso. Nenhum homem pode conhecer as impurezas do seu próprio coração (Jr 17:9-10). Assim o SENHOR examina os corações para revelar o que há ali e Ele recompensará devidamente (IRs 8:39). Nenhum homem pode escapar dos olhos flamejantes Dele com Quem temos que tratar (Hb 4:12-14; Ap 1:14; 2:18; 19:12). Leia mais aqui.

2 – Pimenta Fantasma

Sam: Cara, as pimentas fantasmas são muito quentes.

A pimenta fantasma (ou bhut jolokia) é uma das mais quentes pimentas do mundo. De origem indiana, ela é 15 vezes mais forte que a malagueta. A água potável espalha o ingrediente ativo das pimentas, então seria muito melhor se Dean tivesse bebido leite ou iogurte para neutralizar a ardência.

3 – Freud explica

Dean fala para Sam após Sam acordar de um pesadelo: Nossa. Outro? Bem, por que você não me conta sobre isso? Vamos lá. Vou dar uma de Freud com você. Mantenha-me acordado até chegarmos ao Colorado.

“Freud” refere-se ao famoso psicanalista austríaco Sigmund Freud, que escreveu um livro chamado “A Interpretação dos Sonhos”, em 1900, sobre o simbolismo e o significado dos sonhos.

4 – Hamill e Ford

Sam: Hamill e Ford? Uau. Esse é um corte profundo (“Deep cut”).

Sam e Dean se disfarçam como agentes do Serviço de Vida Selvagem dos EUA, com Sam usando o pseudônimo “Agente Mark Hamill” e Dean usando “Agente Dean Ford”. Sam e Dean usaram essas identidades pela última vez no episódio 1×03 Dead in the Water. “Deep cut”, originalmente um termo musical, geralmente significa uma referência obscura que somente as pessoas com um conhecimento íntimo de um assunto, terão. Além disso, quando Eric Kripke estava lançando Supernatural, ele usou a frase para descrever a série como: “Guerra nas Estrelas na parada de caminhões da América” e descreveu os personagens de Sam e Dean Winchester (então Harrison) assim: “Se Sam é o bom garoto, Dean é o causador de problemas. Se Luke Skywalker de Sam, Han Solo de Dean.”

5 – Lingchi

Lilith: Você já ouviu falar de Lingchi? É chinês. Significa “morte prolongada” – morte por mil cortes.

A morte por mil cortes (Lingchi) é um método de execução no qual o réu julgado culpado sofre mutilação por grande quantidade de cortes em áreas específicas do seu corpo com uma faca afiada. Esta técnica foi muito usada no Japão, em tempos de guerra civil e nas guerras mundiais, quando espiões eram descobertos tinham de ter uma morte dolorosa. Foi banida no início do século XX.

Fontes de pesquisa: supernaturalwiki.com, G1, Wikipédia, Google, Amazon Brasil, Folha Nobre.