Review: “Byzantium” – Com Spoilers!

Minha review do episódio “Byzantium” (14.08) de Supernatural.

Que episódio maravilhoso! 14 temporadas depois, Supernatural ainda me faz chorar. 14 temporadas depois, Supernatural ainda nos mostra que desistir não é e nem nunca será uma opção. Toda a sequência inicial do episódio foi de partir o coração e por mais que você saiba que o Jack não vai permanecer morto (eu faria manifestação na porta da CW se isso acontecesse!!! rs), as cenas e a tristeza dos personagens te envolvem de uma forma que quando percebe, se pega em luto, junto com Sam, Dean e Castiel. Jack perguntando o que aconteceria com ele após sua morte – já dando o gancho para o que esperar do episódio – e Sam sem saber dizer mas mostrando profundo sofrimento em ouvir aquela pergunta. Aliás, QUE ATOR! Jared Padalecki ainda me mata de orgulho! Nesse episódio vimos que não só Jack tinha Sam, Dean e Castiel como pais, mas eles também tinham um sentimento de paternidade com Jack, como quando Dean pede para que Lily não os deixe sentir o que é perder um filho. 


 Provavelmente umas das minhas partes favoritas (e que chorei igual criança) foi o encontro de Jack com sua mãe, Kelly, no céu. Adorei o fato da série ter aproveitado para explorar um pouco esse relacionamento tão importante para Jack, ao trazer a personagem de volta. Na verdade, muito do que envolve Jack me deixa emotiva, como aconteceu quando ele esteve com seus avós. Junto com o fato que quero guardar Jack em um potinho, acredito que é um personagem muito sofrido e merece coisas boas, embora Supernatural não vá dar isso a ele nunca. Isso provavelmente foi tudo que veremos de Jack com sua família (de sangue) na temporada. A não ser claro, que ele morra de novo ou Kelly volte de alguma forma (não dá para descartar nada em Supernatural, né?!).

A ideia de Lily ter se encontrado finalmente com sua filha no céu foi também uma parte que me tocou muito. Apesar que, para mim, estava um pouco óbvio que ela ajudaria Jack sem ganhar nada com isso e ela acabaria indo para o céu. Ainda assim, a cena não foi prejudicada. Uma parte importante (e que preocupava muitos nós fãs) parece ter sido resolvida neste episódio com a cura de Jack. Mas nada bom em Supernatural vem de graça, então novas preocupações foram adicionadas para esta temporada que devem ser exploradas mais ao final.  Como Castiel vai se livrar do “acordo” com o Vazio? Foi uma decisão compreensível não contar a Sam e Dean? E quais consequências Jack terá sem uma parte de sua alma?! Já estou me preparando psicologicamente! O episódio acabou com uma cena linda dos quatro juntos na mesa, fazendo referência à cena da primeira parte do episódio em que bebiam para homenagear Jack e conseguir lidar com a dor de perdê-lo. Nessa cena fica claro o quão forte eles são juntos e como não podem seguir um sem o outro. 

Audiência do episódio (Canal CW – EUA): 1.532 milhões de espectadores.
Nota: ♥♥♥♥♥ (5/5)
Digam aí, o que acharam do episódio?

Deixe uma resposta