Jared Padalecki – Brazilian Fansite

Entrevista Traduzida: Site Metro

Entrevista originalmente postada pelo site Metro.us no dia 10/10/2017.
Tradução feita por Rebeca Almeida exclusivamente para este site. Por favor não reproduza sem os devidos créditos.

Aqui está porque ‘Supernatural’ precisa de uma ‘maior presença feminina’

Jared Padalecki e Jensen Ackles falam sobre a 13ª temporada de seu sucessona CW. Depois de tantos anos atuando lado a lado, as estrelas Jensen Ackles e Jared Padalecki de “Supernatural” – que interpretam os irmãos Dean e Sam Winchester, respectivamente – não estão cansados um do outro ainda. Com a 13ª temporada estreando na CW no dia 12 de outubro, nós conversamos com Jensen Ackles e Jared Padalecki sobre manter seu laço fraternal, representação feminina e o futuro da série.

Como você acha que Supernatural tem mantido o público interessado por tantos anos?

Jensen Ackles: Nós nunca perdemos a essência da série durante todas essas temporadas. É sobre essa constante luta pelo bem, por esse laço entre os irmãos e a luta constante pelo aperfeiçoamento da raça humana. E esses são fatores que as pessoas possam se conectar. E além disso, nós nos divertimos fazendo isso.

Jared Padalecki: Nem o Jensen nem os roteiristas estão entediados com a estória. Na realidade, eu não gostaria de olhar dentro da mente dos roteiristas. Eles são loucos!

JA: O mais impressionante é que com 13 temporadas, nós ainda estamos sentados aqui, animados para falar sobre o nosso trabalho.

O que vocês podem nos dizer sobre o possível spin-off de ‘Supernatural’, ‘Wayward Sisters’, que foi anunciado nesse verão?

JP: Eu espero que tenhamos um spin-off, ter mais personagens femininas e eu espero que assim que estiver resolvido, nós possamos fazer um crossover. Eu amo o mundo de ‘Supernatural’. Eu tenho que confessar que eu sempre fui meio nerd e que eu li, tipo, 40 livros de “Star Wars”, todos os livros de “Senhor dos Anéis”, de “Harry Potter”. Eu realmente amo mergulhar em outros universos.

E sobre as críticas que “Supernatural” tem recebido sobre não ter representação feminina o suficiente?

JP: Eu sou muito tendencioso quando se trata de algumas personagens femininas do mundo de ‘Supernatural’. Eu me casei com uma, por exemplo. Mas eu posso dizer, eu acho que um dos motivos de não ter uma maior presença feminina na série é porque quando Eric Kripke projetou a série, ele definiu um tom onde nenhum de nós queria que fosse sobre sexo ou mostrar nossos atributos físicos. Tinham coisas mais importantes pra contar. Nós queríamos fazer uma série sobre problemas, dedicação, irmandade e lealdade.

A série nos mostra vários dos altos e baixos que vocês experienciam com um vínculo fraternal. Mas na vida real vocês parecem bem próximos.

JP: Nós temos nossos conflitos, mas nunca na mesma escala que Sam e Dean. Mas nós passamos por várias coisas juntos – desde términos de relacionamento, mortes, casamentos, nascimentos. Eu vejo esse cara com mais frequência do que eu vejo minha esposa ou meus filhos. Nós apoiamos um ao outro.

A última temporada terminou num tom complicado. O que podemos esperar dos próximos episódios?

JP: Eles não têm mais ninguém. Ao longo dos anos, os irmãos Winchester ganharam amigos e formaram alianças. Mas na base de tudo estão Sam e Dean. Desde que eles tenham um ao outro e saibam pelo que estão lutando,
seus objetivos estão muito claros. Claramente, nós terminamos a 12ª temporada com um homem nú no canto de um quarto – que só podemos supor que é o filho de Lúcifer – então continuaremos seguindo em frente e fazendo que sabemos fazer melhor. Que é lutar.

%d blogueiros gostam disto: